Total de visualizações de página

terça-feira, 11 de abril de 2017

Permita-se

Palavras rodeadas de poesia
me levam a pensar que a vida é nostalgia.

Toca o som
Deixa brilhar
A luz que irradia
No seu olhar

Viver na poesia
é alegrar o seu dia a dia

Sinta você
Seja o que desejar

Doce vida
Poesia minha

Gosto de ti
Está sempre ali

Chega de mansinho
fica coladinho

Poesia amada
tocada
com belos acordes
Celebro a vida
não a morte

Poesia roda
na viola
na brincadeira com molas

Bola, pião, bambolê
Adoletá

Poesia que cresce
emana o ser
Encontra o sentido
E verás que isso te dará brilho!



Nenhum comentário:

Postar um comentário