Total de visualizações de página

quarta-feira, 28 de setembro de 2011

Sonhos de seda

E assim, me construo a ouro e seda em salas  supostas, invento  palco, cenário para viver o meu sonho entre luzes brandas e músicas invisíveis.

(Fernando Pessoa)