Total de visualizações de página

sexta-feira, 11 de abril de 2014

Pensando sobre a educação...

Ensinar não é transferir conhecimento, mas criar as possibilidades 
para a sua produção e que quanto mais criticamente se exerce a 
capacidade de aprender mais se constrói a curiosidade epistemológica. 
A diferença entre educadores e educandos está não na experiência de 
vida ou conhecimento de um conteúdo, mas na maior experiência que 
os educadores têm com os discursos e o conhecimento formalizado 
pela cultura escrita (BRITO 2007, p. 63). 


“Brincar não é perder tempo, é ganhá-lo. É triste ter meninos sem 
escola, mas mais triste é vê-los enfileirados em salas sem ar, com 
exercícios estéreis, sem valor para a formação humana”. 
 
(Carlos Drummond de Andrade)

“Educar é acreditar na vida e ter esperança no futuro, mesmo que os jovens nos decepcionem no presente”. (Augusto Cury)

“Há um mundo a ser descoberto dentro de cada criança e de cada jovem. Só não consegue descobri-lo quem está encerrado dentro do seu próprio mundo”. (Augusto Cury)

“Seja prudente com a novidade. Nunca a procure por ela mesma, mas pela melhoria que poderá proporcionar ao seu trabalho e à sua vida. Essa melhoria depende tanto de você como da própria novidade”.(Celso Antunes)